Programa de Ensino dos Direitos Humanos

Quão importantes são os direitos humanos? Muito antes da frase “direitos humanos” ter aparecido, homens e mulheres lutaram e morreram por liberdades humanas básicas. De Facto, esta luta durou milhares de anos e hoje ainda continua.

Em última análise, os direitos humanos são a base de tudo o que as pessoas prezam no seu modo de vida. Na sua ausência, a felicidade duradoura é impossível, porque não há nenhuma segurança pessoal, nenhuma liberdade e nenhuma oportunidade. Assim, todos os povos têm reconhecido desde há muito a sua importância fundamental e têm procurado articular e defendê–los.

Mesmo assim, foi necessária uma guerra mundial e as mortes de dezenas de milhões de pessoas para unir as principais nações para criar uma carta realmente universal dos direitos.

A Declaração Universal dos Direitos do Homem é o principal instrumento dos direitos humanos do mundo. O seu parágrafo de abertura é uma afirmação poderosa dos princípios que estão no coração do sistema dos direitos humanos moderno: “O reconhecimento da dignidade inerente e dos direitos iguais e inalienáveis de todos os membros da família humana é o fundamento da liberdade, justiça e paz no mundo.”

A dura realidade é, no entanto, que em praticamente todos os países da Terra, alguma parte da população é vítima de tortura, tráfico humano, fome, injustiça, discriminação ou outros abusos dos direitos humanos.

E isto leva–nos de volta ao problema subjacente — a maioria das pessoas desconhecem a Declaração Universal dos Direitos do Homem e os trinta direitos que esta contém. Por conseguinte, existe uma grande lacuna entre a articulação dos objectivos da Declaração e a sua realização. Milhões não são livres. A justiça muitas vezes não é equitativa. E a paz continua a iludir muitas regiões do mundo.

O estabelecer ligação entre o enorme abismo do ideal dos direitos humanos universais e a realidade das violações generalizadas dos direitos humanos é o desafio.

Ao implementar o Manual do Professor gratuito, DVDs e folhetos, e incluindo a educação sobre os direitos humanos nos seus programas de estudo, os professores podem fazer muito para concretizar os direitos humanos.

O pessoal de aplicação da lei, os oficiais da justiça, e aqueles que orientam os jovens também devem estudar estes materiais educativos, e usá–los para aumentar a consciência dentro das suas próprias organizações e órgãos do governo, que por sua vez vai aumentar a velocidade de implementação da Declaração Universal dos Direitos do Homem na sua nação, estado ou região.

ENCOMENDE O SEU PACOTE EDUCATIVO GRATUITO >>